Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Atrás da Baliza Grande

Aqui só se fala do Benfica, Sport Lisboa e Benfica!

Atrás da Baliza Grande

Aqui só se fala do Benfica, Sport Lisboa e Benfica!

Foi na sã rivalidade que se tornaram enormes

16.02.18, Pinheirinho

Entre 1906 e o final da década de 70, uma sã rivalidade entre dois clubes da mesma cidade transformaram o sonho de jovens em criar um clube nos maiores clubes do país.

O Sport Lisboa nascia em 1904 da junção de dois grupos, os Catataus e a Associação do Bem, estes dois grupos de jovens tiveram o sonho de criar um clube e assim o fizeram vivendo com dificuldades, sem nunca ter sitio certo para treinar e jogar e literalmente andar com a casa às costas.

Em 1906 nasce o Sporting Clube de Portugal depois da dissolução do Campo Grande Football Club, o Sporting nasce nos terrenos do Visconde de Alvalade, já tinha campo e instalações e para a altura já eram consideradas de luxo, com banhos quentes e tudo.

E é ai que começa esta rivalidade que os levou a ser grandes, o Sporting vem até aos campos em Belém onde o Benfica jogava e leva para alvalade 5 jogadores, aliciados pelos banhos quentes e instalações de topo onde deixariam de dar dinheiro para material e equipamentos.

Os do Sport Lisboa fundiram-se com outra agremiação que tinha sede e um ringue onde depois jogariam hóquei em patins, tinha também equipa de ciclismo e dessa união muda o seu nome para Sport Lisboa e Benfica.

Podem achar que não, mas tornam-se grandes porque tudo o que um tinha o outro tinha de ter, para ganhar a um tinham de ser cada vez melhores, assim como o adversário de tal forma que as restantes equipas não conseguiam acompanhar:

O Atlético Clube de Portugal que nasce da fusão do União Lisboa e do Carcavelinhos, clube esse que no inicio do século muita luta deu aos gigantes de Lisboa, ganhando mesmo um Campeonato de Portugal (antiga Taça de Portugal), mas que não conseguiu acompanhar o andamento dos seus rivais.

Outro dos que não conseguiu acompanhar foi o Oriental, que nasce da fusão de 3 clubes na zona Oriental de Lisboa, o Marvilense futebol clube, o Chelas futebol Clube e o Grupo desportivo "Os Fósforos".

Já o que pareceu resistir mais foi o Belenenses, fundado em 1919, chegando mesmo a ganhar um campeonato nacional na década de 40, mas foi ficando para trás com a mudança de regime no nosso pais e o cada vez maior crescimento dos maiores de Lisboa, passando a ser um segundo clube para muita gente, apesar de ter nascido rico, ter sido dos clubes que ganhou 3 campeonatos de Portugal (antiga Taça de Portugal) ter sido a primeira equipa a participar na extinta Taça Uefa.

 

A rivalidade no ciclismo entre José Maria Nicolau pelo Benfica e Alfredo Trindade pelo sporting, desta rivalidade de dois amigos, cada um lutando pela sua cor e o seu símbolo.

Outro dos exemplos é o respeito com que sempre respeitou e foi respeitado Mário Moniz Pereira, de tal forma que em 2000 numa taça dos campeões europeus de atletismo o Prof Moniz Pereira solicitou ao Vice presidente do Benfica, José Manuel Antunes o empréstimo de dois atletas do Benfica, assim foi feito e o sporting conquistou a sua primeira Taça de Campeões europeus de Pista.

Eu nasci e vivi num bairro em que a maioria das pessoas são do Sporting, o Clube da terra tinha por nome, Clube Leões da Fonte, era um tormento ter de ver um jogo do Benfica na sede do clube, tal a maioria de sportinguistas presentes, e quando digo maioria era no rácio de 10 para 1, semana sim, semana sim rumávamos à Luz e a Alvalade, antigamente até aos 14 anos (ou desde que não crescêssemos muito) não pagávamos entrada e lá íamos nós, Benfiquistas e sportinguistas.

Porquê este texto, é simples, é na sã rivalidade que os grandes nasceram, sendo rivais, cada um querendo ser maior que o outro, nunca inimigos, desde há uns tempos para cá, passaram a inimigos, é quase impossível falar de desporto com adeptos ferrenhos do sporting, é impossível ver sequer um jogo com um adepto do sporting, seja qual for o jogo, tenho pena que assim seja, é que quando deixamos de ser rivais e passamos a inimigos apenas uma coisa sabemos, o fim do clube mais fraco está mais próximo, pois se há coisa que devemos ver é que, se a rivalidade faz crescer, a guerra destrói!